Como Ganhar Foco no Surf Por Patrícia Cassol Eickhoff

Como Ganhar Foco no Surf Por Patrícia Cassol Eickhoff

O surfe, por ser um esporte associado à cultura da vida de praia, o desfrute e o contato com a natureza, muitas vezes é desconsiderada uma questão importantíssima na hora de evoluir: o foco. O principal é se divertir, mas depois de você ficar em pé na prancha o desejo seguinte vai ser melhorar para poder aumentar a sensação de adrenalina, aquela que faz estourar as endorfinas e nos deixa com o “quero mais”, na volta pra casa.

Para melhorar mais rápido e evitar lesões, a concentração é fundamental no seu desempenho. Por isso vamos a detalhar uma lista de passos a seguir para poder interligar a mente e o corpo, afinal de contas, é o nosso cérebro o que vai comandar cada um dos nossos passos.

1 – Exercícios mentais são sempre bem vindos, em qualquer esporte e até mesmo antes de entrevistas, apresentações, ( exercício mental é estar exercitando aquilo que você quer que aconteça, e tudo o que pode ocorrer para não acontecer, porém cada obstáculo você terá que achar um caminho, ou seja, é pensar nos possíveis problemas e a forma de resolver). Mentalizar os movimentos das manobras da forma certa, com a aplicação da técnica é um exercício excelente. Golfistas, jogadores de tênis, futebol, ginastas e outros atletas utilizam esta técnica para melhorar a performance e se preparar. O pensamento deve ser positivo, imaginando resultados concretos do que você quer fazer na prancha.

2 – Conhecer o local. Sempre é bom antes de entrar no mar conferir as condições, ver para se há correnteza e qual é sua direção, saber se o fundo é de areia ou tem pedras. Caso estiver pela primeira vez no local, perguntar para algum surfista do pico.

Jordy Smith concentrado antes da bateria. Foto:WSL

3 – Escutar música antes de surfar ( é uma opção para conectar o corpo e a mente), ajudando na concentração, mas também fazendo o corpo já se mover junto com o pensamento. O recomendado é que as músicas ajudem na concentração da mente então escutar música que tenha uma cadência com a velocidade que quero ter nas ondas é uma opção interessante. Escutar música clássica certamente vai relaxar a mente, porém pode ser relaxante demais. Embora a escolha musical é 100% pessoal, algo num ritmo adequado. Nem Bethooven nem Sepultura.

4 – Sono. Dormir bem faz tanto bem para o corpo quando para mente.

5 – Água. Como o sono além de auxiliar no aspecto físico , existe inúmeros benefícios entre eles por se algo ingerido, consegue amparar positivamente a ansiedade, não eliminando-a , mas amenizando-a.

Kolohe Andino e Sebass naquela soneca pré bateria.

6 – Assistir vídeos sobre o esporte. Veja vídeos de bons surfistas para visualizar os movimentos certos do corpo na prancha e ter boas referências para imitar.

 

Patrícia Cassol Eickhoff –

Psicóloga e Mestranda em Educação nas Ciências 

Professora do curso de Psicologia da Faculdade América Latina (RS).

CRP 07/24583 

Email: psicoesportes@gmail.com

Siga no Insta: @psicologiaesporte

Curta no Facebook: @psicologiadoesportes

Comentários

comentários

Compartilhe