• Home »
  • Surf »
  • Praia do Tombo (SP) Recebe 3ra Etapa do Hang Loose Surf Attack
Praia do Tombo (SP) Recebe 3ra Etapa do Hang Loose Surf Attack

Praia do Tombo (SP) Recebe 3ra Etapa do Hang Loose Surf Attack

A Praia do Tombo, em Guarujá, foi confirmada pela Federação Paulista de Surf para a sede da 3ª etapa do Hang Loose Surf Attack 2018. A competição será realizada nos dias 28 a 30 de setembro, reunindo 236 atletas divididos em seis categorias – sub10, sub12, sub14, sub16 e sub18 e novidade deste ano, a feminina sub16. Junto, estará em ação  a disputa por cidades, outro grande atrativo do Circuito.

O presidente da Federação Paulista, Silvio da Silva, o Silvério, destacou o empenho da Associação de Surf de Guarujá e o apoio da Prefeitura da Cidade para a realização do evento nesse tradicional pico do surf brasileiro. “A receptividade e a colaboração do Poder Público e da Associação local foram importantes para o circuito ter a etapa em Guarujá, sem dúvida, um local importante, pela qualidade de ondas, pela relevância que tem no esporte”, agradeceu o dirigente, informando que instruções para inscrições estarão disponíveis no site da FPS.

Anuar Chiah Hang Loose Surf Attack Maresias Foto Munir El Hage.1

Realizado desde 1998 e com patrocínio da Hang Loose desde 1995, ou seja, uma parceria de 24 anos ininterruptamente, o Campeonato define os títulos paulistas de base e em sua galeria de campeões conta com nomes de peso, como Adriano de Souza, Gabriel Medina e Filipe Toledo, que brilham hoje no Circuito Mundial Profissional. Nesse ano, as etapas foram realizadas em Ubatuba e São Sebastião e três atletas competem em Guarujá com 100% de aproveitamento.

Sophia Medina, de São Sebastião e irmã caçula de Gabriel, faturou as duas etapas da feminina; Ryan Kainalo, surfista natural de São Paulo e que hoje mora em Ubatuba, é o líder da sub12, buscando seu quarto título seguido no Circuito (já foi bicampeão na sub10 e é o atual dono do caneco da própria sub12). O competidor ainda aparece como o número 1 do ranking na categoria acima, a sub14 e o terceiro na sub16, com chances de garantir o inédito feito de levar três faixas etárias numa mesma temporada.

Ryan Kainalo Hang Loose Surf Attack Maresias Foto Munir El Hage

Completando a lista dos atletas que defendem a invencibilidade em 2018 está o paranaense de Matinhos, Anuar Chiah, entre os caçulas com até 10 anos. Na sub16, Eduardo Motta, de Guaujá, aparece em primeiro lugar, mas o atleta anunciou que a partir de agora só se dedicará às disputas profissionais, deixando Daniel Adisaka, de São Sebastião como virtual líder. Já na sub18, o catarinense Uriel Sposaro está na frente após as duas etapas realizadas, com Adisaka em segundo. Por equipes, as duas cidades que receberam as etapas este ano dividem a ponta do ranking.

Adriano de Sousa. Foto: Munir El Hage

O Hang Loose Surf Attack 2018 tem os patrocínios de Overboard Action Sports Store, Surf Trip, Super Tubes, Hot Water, Kyw e Sthill, com copatrocínios de Rhyno Foam e CT Wax. Apoios da Prefeitura de Guarujá, Associação de Surf de Guarujá (ASG), Governo do Estado de São Paulo/Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, com divulgação de Waves e FMA Notícias. Organização da Federação Paulista de Surf.

RANKING APÓS 2 ETAPAS

SUB18

1 Uriel Sposaro – SC – 1.710

2 Daniel Adisaka – São Sebastião – 1.531

3 Eduardo Motta – Guarujá – 1.330

4 Luan Hanada – Guarujá – 1.011

SUB16

1 Eduardo Motta – Guarujá – 1.729

2 Daniel Adisaka – São Sebastião – 1.466

3 Ryan Kainalo – Ubatuba – 1.431

4 Caio Costa – São Sebastião – 1.330

 

FEMININA SUB16

1 Sophia Medina – São Sebastião – 2.000

2 Pamella Mel – SC – 1.800

3 Nairê Marquez – Ubatuba – 1.341

4 Maria Isabel – Ubatuba – 1.187

SUB14

1 Ryan Kainalo – Ubatuba – 1.556

2 Rodrigo Saldanha – São Sebastião – 1.531

2 Caio Costa – São Sebastião – 1.531

4 Fabrício Rocha – RN – 1.458

 

SUB12

1 Ryan Kainalo – Ubatuba – 2.000

2 Murillo Coura – São Sebastião – 1.800

3 Aleabe Rosa – Ubatuba – 1.312

4 Guilherme Fernandes – Ubatuba – 1.240

SUB10

1 Anuar Chiah – PR – 2.000

2 Kailani Rennó – Ubatuba – 1.710

3 Pedro Henrique – 1.556

4 John Muller – Guarujá – 1.187

CIDADES

1 São Sebastião – 1.900

1 Ubatuba – 1.900

3 Guarujá – 1.620

4 Praia Grande – 1.385

4 Bertioga – 1.385

Comentários

comentários

Compartilhe