SRS Surfboards na vanguarda para evoluir seu surf

Os modelos R2, C4, R7 e DS3 são alguns dos preferidos dos atletas da SRS. 
Surf e Evolução-Florianópolis-SC
A SRS Surfboards produz pranchas com materiais de última geração, desenvolvendo shapes para surfistas iniciantes, amadores e profissionais que procuram ter o melhor desempenho em diversas condições e tipos de ondas. Desde 1995, a SRS trabalha em Florianópolis (SC) para o mercado nacional e internacional, fornecendo foguetes com as mais recentes inovações tecnológicas. (Leia toda a matéria).  

Rodrigo Silva sempre aprimora e melhora seus desings em base ao conhecimento.  

PLAINAS
Os modelos são projetados pelo shaper e surfista fundador da marca, Rodrigo Silva, através de uma das melhores máquinas de usinagem 3D do Brasil. Os foguetes garantem shapes equilibrados, pranchas mais brancas durante mais tempo e uma evolução no seu surfe.  

Surfista profissional de Imbituba (SC) Moa Soares. Foto: Jaime Mengue

DESINGS

Rodrigo já criou mais de dez modelos de pranchas incluindo as séries R, de competição, as séries C, de shortboards para ondas pequenas, e as série S, para ondas grandes. Todos os modelos receberam a aprovação da equipe da SRS que testou os shapes em competições, surf trips e no dia a dia. 

CONFIANÇA 

A excelência da SRS foi reconhecida de forma internacional em 2011 por meio de uma parceria com Emery Surfboards da Austrália, que integra o quiver de surfistas do WT como Adam Melling, Owen Wright e Matt Wilkinson.

Rodrigo Silva com Alan Emery durante a última visita do shaper a Florianópolis(SC).

O shaper australiano Alan Emery ficou surpreso pela qualidade da fabricação de pranchas da SRS, localizada em Florianópolis (SC), e desde o ano passado Emery Surfboards é fabricada e vendida no Brasil pela SRS. Rodrigo Silva já shapeou através da Emery as pranchas para o Circuito Mundial de Surf da ASP dos tops Adam Melling e Matt Wilkinson, além do ex-top WT, o profissional Natahan Hedge, entre outros.

Wilko comemorando coma Emery shapeada no Brasil por Rodrigo Silva. 
Em junho desse ano, Wilkinson venceu no Coca-Cola Prime, em Saquarema, com a Emery modelo Pro-Hoe feita por Rodrigo Silva no Brasil.
Pedro Lani Husadel entubando em Arica, com quiver especial da SRS. 
EQUIPE
A SRS Surfboards também possui uma equipe de atletas que participam em eventos amadores e profissionais, ou que ainda encarnam o verdadeiro espírito free surf na procura das ondas perfeitas. Surfistas como Beto Mariano, Pedro Husadel e Yan Sondal apresentam a evolução do surfe através das gerações.

A finalização das pranchas atende os mínimos detalhes.
ACABAMENTO  
A laminação da SRS é feita pela South Glass e oferece três diferentes tipos de padrões de qualidade para diferentes níveis de surf. O experiente laminador Marcelo Silva da South Glass trabalha com fibra de vidro importada, resinas com filtro solar e ilusor óptico, garantindo uma prancha mais branca apesar do tempo. Você pode escolher entre uma laminação leve, que deixe a prancha mais ágil, uma laminação normal, com maior resistência e peso, ou laminação forte, para pranchas maiores ou surfistas mais pesados. 

Atleta Yan Söndahl com seu modelo GROM da SRS. 
PADRÕES GRINGOS 
As SRS Surfboards oferecem o opcional de reforço de carbono na rabeta, além do reforço colorido, exclusivo da marca. 

As naves também possuem o opcional de fixações de quilhas FCS Fusion ou Futures brancas ou coloridas, entanto os copinhos de leash são FCS originais. 


TECNOLOGIA E MEIO AMBIENTE
A produção dos shapes acontece sempre em harmonia com a sustentabilidade e a preservação. Todos os restos de material são reaproveitados na construção de blocos de cimento ecológicos e até a resina é reutilizada na produção de vazos de flor e diversas inovações. A consciência ecológica dentro da fábrica está integrada em prol de um planeta mais limpo.
ACESSE NO SITE OFICIAL: www.srssurfboards.com (Em breve novo site)

Comentários

comentários

Compartilhe